Lei trabalhista só dará certo se trabalhadores e patrões interagirem, diz presidente da Feninfra

008 viven Vivien Suruagy considera que a modernização das regras trabalhistas trará benefícios imediatos para quase dois milhões de trabalhadores de prestadoras de serviços de telecomunicações e seus fornecedores.

Acordos coletivos de trabalho vão tirar as dúvidas ainda pendentes sobre a lei trabalhista

008 serranoO presidente da Fenainfo, Edgar Serrano, comemora os avanços da reforma trabalhista, mas adverte: a legislação ainda está bem atrás das de outros países desenvolvidos. Em TI, a legalidade do home office é o ponto alto.

Goiânia se adequa à Lei Geral das Antenas

antenasPrefeitura assina decreto que reduz o prazo máximo para licenciamento e instalação de antenas de celular e internet móvel para 60 dias, além de desburocratizar a apresentação de documentos, o que torna mais ágil a análise e a emissão das licenças.

Celulares 4G já superam os 3G no Brasil

4GBalanço de outubro da Telebrasil mostra que o País já tem 95 milhões de acessos 4G e 92 milhões de 3G. Relatório aponta que, no décimo mês do ano, existiam 205,5 milhões de acessos à internet pela rede móvel.

Brasil é o quarto país com preço mais baixo de internet móvel

PreçosPaís fica atrás apenas de China, Rússia, Índia e Portugal, segundo estudo feito pela consultoria Teleco.

UIT classifica mercado brasileiro de telecomunicações como dinâmico e competitivo

redimentoO Brasil tem 117 celulares para cada grupo de 100 habitantes, enquanto a média mundial é de 102 e a das Américas é de 114. Na banda larga móvel, o índice de penetração do Brasil é de 90%, acima das Américas (83%) e bem superior à média mundial (52%).

Sistema de bloqueio de celulares irregulares entra em operação em fevereiro de 2018

celular proibidoA primeira fase, que testará a eficácia do sistema, ocorrerá no estado de Goiás e no Distrito Federal.

Alta carga tributária impõe barreiras ao Brasil para chegar à era digital

Alta carga A redução da carga tributária é um tema recorrente do setor de telecomunicações, mas é fato que serviços como banda larga e telefonia móvel precisam receber um novo tratamento do governo e serem considerados, de fato, essenciais para o desenvolvimento, o que significaria aplicar uma redução gradativa nas alíquotas dos impostos para patamares correspondentes a serviços assim considerados. Ter esse reconhecimento é um dos pontos da Carta de Brasília 2017, entregue ao Ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações durante o Painel Telebrasil 2017, realizado nos dias 19 e 20 de setembro, na capital federal.

Reforma tributária: telecomunicações ficam na categoria do imposto seletivo

reformaA reforma tributária tem como função aumentar a competitividade das empresas, segundo o relator da proposta na Câmara, deputado federal Luiz Carlos Hauly (PSDB/PR). “Estamos fazendo uma reengenharia tributária, tecnológica e política”, sustenta, em entrevista especial à Newsletter da Telebrasil. Segundo o deputado, as mudanças propostas são bastante significativas e exigirão ser regulamentadas por leis complementares, que determinarão alíquotas que ainda serão definidas. Ao setor de telecomunicações, o parlamentar assegura que a ideia não é aumentar a carga tributária.

Aumentar imposto é impedir a massificação da banda larga

aumentar O Brasil não tem mais espaço para aumentar a carga tributária imposta ao setor de serviços, afirma o deputado Walter Ihoshi (PSD/SP). Em entrevista à Newsletter da Telebrasil, o parlamentar diz que vê essa possibilidade com muita preocupação e apreensão, principalmente, quando ainda há milhares de brasileiros desempregados.

Febratel posiciona-se contra o aumento do PIS/Cofins

Febratel posiciona-seA Federação Brasileira de Telecomunicações (Febratel) reforçou o posicionamento do setor de serviços contrário ao aumento da alíquota do PIS/Cofins, em reunião realizada com o Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, no dia 20 de outubro. A Federação alertou para os efeitos que uma eventual mudança no regime do tributo poderia ter na produtividade e na competitividade do País.

Nossa Newsletter

cadastre sua empresa

Associados

Fique Informado!

Cadastre-se para receber nossas novidades.

Recomende aos amigos!

logo-telebrasil 11

  

TELEBRASIL


foto-localizacao-telebrasil 

Razão Social: TELEBRASIL - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE TELECOMUNICAÇÕES
Tel.: +55 (21) 2244-9494
Fax:+55 (21) 2542-4092
CNPJ/MF: 42.355.537/0001-14
Inscrição Municipal: 01.062.450

E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.