Futurecom 2010: "Conectar o Brasil e os diversos brasis" é a mensagem de Luiz Eduardo Falco, presidente da Oi – II

Na manhã de 27 de outubro último – segundo dia do congresso –, o auditório Brasil da Futurecom contou com apresentações key notes da Portugal Telecom (Zeinal Bava), Vivo (Roberto Lima), Siemens Enterprise (Hamid Akhavan) e Oi (Luiz Eduardo Falco). Falco é presidente da Oi e diretor da TELEBRASIL, do SINDITELEBRASIL e da FEBRATEL. Veja, aqui, a palestra proferida por ele durante o evento.

"Conectar o Brasil e os diversos brasis", com suas oportunidades e problemas, foi o recado básico de Luiz Eduardo Falco Pires Corrêa, em palestra, com auditório cheio, proferida durante a Futurecom 2010, um evento-chave de telecomunicações – feira e congresso – na América Latina.

Leia mais...

Futurecom 2010: "Nosso papel é criar valor para a sociedade conectada", disse Roberto Lima, presidente da Vivo – I

Na manhã de 27 de outubro último – segundo dia do congresso –, o auditório Brasil da Futurecom contou com apresentações key notes da Portugal Telecom (Zeinal Bava), Vivo (Roberto Lima), Siemens Enterprise (Hamid Akhavan) e Oi (Luiz Eduardo Falco). Roberto Lima é diretor da TELEBRASIL, do SINDITELEBRASIL e da FEBRATEL. Veja, aqui, a palestra proferida por ele durante o evento.

Em pouco mais de 100 transparências – o PowerPoint usado na Futurecom está cada vez mais sublime e criativo –, o presidente da Vivo, Roberto Oliveira de Lima, sob o título "Interesses e Virtudes Convergentes", sintetizou que "olhar o mercado é bom", mas "olhar a sociedade é melhor". A razão é óbvia. A Sociedade Industrial já ficou para trás e o que agora desponta é a "sociedade conectada".

Leia mais...

Futurecom 2010: SINDITELEBRASIL coordena discussão sobre neutralidade de rede da Internet

Um dos temas do momento, a "neutralidade de rede" foi debatida com estilo, em 27 de outubro último, durante a Futurecom 2010, em São Paulo (SP). Atuou como facilitador do painel o engenheiro de telecomunicações Eduardo Levy, diretor-executivo do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SINDITELEBRASIL). Um grupo de especialistas enriqueceu o debate sobre a neutralidade de rede da Internet e como ela afeta o futuro dos negócios. Veja aqui.

Para o painel de debates sobre Internet, vieram pelos prestadores de serviços de telecomunicações, Christian Wickert (Claro), Renan Leal (Telefônica), Daniel de Albuquerque Cardoso (Vivo); pelo órgão regulador, Nelson Mitsuo Takayanagi (Anatel); pelos fornecedores de ativos e de know-how, Anderson André (Cisco), Geraldo P. de Araújo (Accenture), Mário Baumgarten (UMTS Fórum), Paulo Henrique Souza (Tekelec) e Raul Antonio Del Fiol (Trópico).

Leia mais...

Políticas de telecomunicações e a massificação do acesso à Internet em alta velocidade

Em artigo publicado hoje, dia 5 de novembro, no jornal “O Estado de S.Paulo”, o advogado e docente da Universidade de São Paulo (USP) Floriano de Azevedo Marques aponta importantes questões referentes às políticas de telecomunicações no Brasil e a massificação do acesso à Internet em alta velocidade. Vela, a seguir, a íntegra do texto.

“Banda larga - entre o puxadinho e a lei

Floriano de Azevedo Marques Neto* - O Estado de S.Paulo

A evolução nas telecomunicações é assombrosamente veloz. Isso faz com que seja tentador adotar um atalho, uma solução mágica para desenvolver o setor. Daí o risco de tomarmos o mau caminho. Há alguns meses o governo federal lançou o seu Plano Nacional de Banda Larga (PNBL), para ampliar o acesso da população à internet de alta velocidade. É essencial oferecer a todos o acesso à transmissão dos conteúdos disponíveis na internet. Para isso são necessários investimentos em redes e serviços. O problema é que o PNBL é um mau caminho. Por ele não conseguiremos universalizar a internet. Pior, estragaremos o que já conquistamos.

Leia mais...

Diretor do SINDITELEBRASIL reforça a importância das telecomunicações no País

O diretor-executivo do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), Eduardo Levy, publicou um artigo na edição do dia 8 de outubro, de O Globo, na página 7 (Opinião). Veja, a seguir, a íntegra do texto.


O Brasil que já temos

As eleições levaram às urnas mais de 111 milhões de eleitores no primeiro turno. Os votos foram computados e apurados em tempo recorde graças à urna eletrônica e ao sistema totalmente teleinformatizado do processo eleitoral brasileiro. Mas nada disso seria possível sem a robustez e a segurança da infraestrutura das operadoras privadas do setor de telecomunicações que dão suporte a todo esse sistema. Num passado não tão distante, as cédulas de papel demoravam dias para chegar aos centros de apuração, levadas por carros, barcos e até em lombo de burros. Hoje, basta um clique e o transporte é feito por redes privativas que compõem a infraestrutura de telecomunicações das empresas privadas, de dimensão incomparável no Brasil.

Leia mais...

Futurecom: Laudálio Veiga, no Manhattan Connection, fala sobre Telebrás, tributação e banda larga

O empresário Laudálio Veiga Fº, diretor-geral da Provisuale – que promove a 12ª Futurecom, de 25 a 28 de outubro, no Expocenter (SP) – foi entrevistado nos estúdios da Reuters, em NY (USA), para o programa Manhattan Connection, pela a equipe jornalística de Lucas Mendes. A conversa foi ao ar no GNT, às 23h de domingo, dia 12 de setembro último. Palavras-chave: Brasil, banda larga, Telebrás, Internet, tributos, investimentos.

A Provisuale é uma associada TELEBRASIL – Associação Brasileira de Telecomunicações.

Laudálio Veiga Fº, com ar de empresário bem-sucedido e sinônimo de eventos de telecomunicações na América Latina, demonstrou, em sua entrevista no Manhattan Connection, ser um otimista, mas com os pés no chão. O País vai indo bem. A nossa economia é sólida e a democracia é estável. Porém, o Brasil se ressente de um planejamento maior para “dar a sua arrancada”, para se situar entre os países desenvolvidos.

Leia mais...

TELEBRASIL agradece a participação no 54º Painel e divulga a Carta do Guarujá 2010

O 54º Painel TELEBRASIL reuniu associados, conferencistas e participantes para debater, em profundidade, "O Brasil que queremos em 2011-2014". Do sucesso desse encontro de “mentes e vontades” resultou a Carta do Guarujá 2010, onde a TELEBRASIL – Associação Brasileira de Telecomunicações afirma e reitera que o setor de telecomunicações quer “Crescimento com Estabilidade”.

Para ler o documento em sua íntegra, clique aqui.

TELEBRASIL registra “O sucesso do modelo da telefonia”, publicado, hoje, no jornal O GLOBO

O jornal O GLOBO publicou, hoje, dia 23 de setembro (quinta-feira), na página 6 de seu primeiro caderno, sob a rubrica “Opinião”, editorial com o título “O sucesso do modelo de telefonia”. Em destaque, como indicado no olho do referido editorial, a menção “Só a fé ideológica pode justificar a estatização de parte da banda larga”. Confira, aqui, o texto de O GLOBO na íntegra.

<<início da reprodução do editorial>>

O sucesso do modelo da telefonia

O número de telefones celulares habilitados deve ultrapassar este ano o da população brasileira. Segundo levantamento da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), em agosto último havia no país 189,4 milhões de telefones móveis, uma proporção (97,96%) de quase um aparelho por habitante.

Leia mais...

Para onde queremos ir? O que se debateu no Guarujá – III

O 54º Painel da TELEBRASIL – Associação Brasileira de Telecomunicações, nos dias 18 e 19 de agosto, no Hotel Jequitimar, no Guarujá (SP), reuniu conferencistas e participantes para debater, em alto nível, "O Brasil que queremos em 2011-2014". Como pano de fundo, a chegada de um novo quadriênio governamental, o impacto da banda larga para o País e as altas taxas que oneram, hoje, os serviços. Veja, aqui, o painel 2: "Para onde queremos ir?", com o conferencista Aluizio Byrro, oferecendo um rico panorama da indústria eletroeletrônica no País.

Para saber mais, leia as Cartas do Guarujá 2009 e 2010.

Aluizio Bretas Byrro é vice-presidente e coordenador do Projeto Abinee 2020. Tratou da situação e das perspectivas da indústria brasileira de telecomunicações, com base no Projeto Abinee 2020. A Abinee – Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica – é uma associada TELEBRASIL. O engenheiro Aluizio Byrro acumulou, ao longo de longa e proficiente carreira como executivo, uma grande vivência dos "up and down" da indústria eletroeletrônica no País.

Leia mais...

Jorge Marsiaj Leal (*09/07/1927 – †30/08/2010)

A TELEBRASIL – Associação Brasileira de Telecomunicações registra, com pesar, o falecimento, no Rio de Janeiro, de seu sócio honorário Jorge Marsiaj Leal, acontecido em 30 de agosto de 2010. Seu sepultamento ocorreu no Cemitério São João Baptista. Um dos idealizadores do CPqD, Jorge Marsiaj foi uma figura a quem as telecomunicações brasileiras, vistas sob várias dimensões, muito devem.

A missa de 7º dia de Jorge Marsiaj será celebrada na Paróquia de N. S. de Copacabana, na Rua Hilário de Gouveia, nº 36, no Rio de Janeiro, às 18h, na próxima segunda-feira, dia 6 de setembro de 2010.

Jorge Marsiaj Leal, natural de Santana do Livramento (RS), na fronteira com o Uruguai, formou-se (turma de 46) oficial na arma de Artilharia pela Escola Militar de Rezende – um dos fundadores da escola, em 1944, hoje Academia Militar das Agulhas Negras (Aman) – e depois graduando-se como engenheiro pela Escola Técnica do Exército (1955), atualmente Instituto Militar de Engenharia (IME).

Leia mais...

cadastre sua empresa

Convênios e Parcerias

convenios-firmados-telebrasil

Fique Informado!

Cadastre-se para receber nossas novidades.

Recomende aos amigos!

TELEBRASIL


foto-localizacao-telebrasil 

Razão Social: TELEBRASIL - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE TELECOMUNICAÇÕES
Tel.: +55 (21) 2244-9494
Fax:+55 (21) 2542-4092
CNPJ/MF: 42.355.537/0001-14
Inscrição Municipal: 01.062.450

E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.