Diretoria aprova Projeto Nacional de Banda Larga como tema do 53º Painel TELEBRASIL

20090728-valenteA diretoria da TELEBRASIL, reunida em março, em São Paulo, aprovou as diretrizes do Painel 2009. O evento – uma tradição no calendário do setor das (Tele)Comunicações – terá como tema central o "Projeto Nacional de Banda Larga", de essencial importância para o desenvolvimento do País. O encontro ocorre em tempos de importantes mudanças na conjuntura mundial que a todos afeta. Estão previstas as presenças de dirigentes, parlamentares, empresários, executivos, especialistas e imprensa.

O tema central do 53º Painel, o "Projeto Nacional de Banda Larga", cujo valor estratégico para o País, com a participação efetiva da cadeia de valor do setor de telecomunicações, é por todos reconhecido. O tema será tratado a partir “do investimento em inovação, produtividade e competitividade, com inclusão social”.

Numa visão ampla, o setor de (Tele)Comunicações – ao lado do de energia – tem se mostrado um dos mais dinâmicos e estratégicos, tangido por um inexorável avanço da tecnologia. Tele significa "à distância" e "Comunicações", o nome genérico que engloba a informação e o seu conteúdo.

No Brasil, as (Tele)Comunicações contribuíram e contribuem significativamente para a realização dos objetivos fundamentais do Estado, destinados a atender as principais demandas da sociedade brasileira. Elas vêm contribuindo para a integração nacional, seja como veículo de comunicação social para a consolidação da identidade nacional, seja como plataforma para expansão de mercados e para produção de ganhos de produtividade.

Elas também têm concorrido, na qualidade de um eficaz instrumento, para o aumento da eficiência da administração pública e para a redução de desigualdades sociais e regionais. A registrar, neste contexto, a universalização dos serviços de telefonia concluída em 2005.

53º Painel – tema é Banda Larga

“Projeto Nacional de Banda Larga” será o tema do 53º Painel TELEBRASIL. Do ponto de vista operacional, o acesso de banda larga é importante para prover acesso a serviços multimídia envolvendo voz, imagens, textos e dados e ao meio Internet. Mas, a implementação da banda larga, em escala nacional, representa muito mais.

Segundo um analista, a importância primordial da implantação da banda larga no País é o fato de ela ser “indispensável para a universalização e a melhoria da qualidade dos serviços que o Estado tem obrigação constitucional de prover para a população e que podem ser prestados com soluções completas de TICs (tecnologia da informação e comunicações)”.

Uma dezena de tecnologias de acesso disputam o mercado de banda larga. Dentre elas, os serviços celulares móveis 3G, as topologias híbridas fiber to the home – inclui as redes de TV a cabo – e as redes rádio tipo wi-max e por satélite. Também a considerar a tecnologia ADSL (asynchronous digital subscriber line), que deu sobrevida à rede de acesso da telefonia fixa comutada efetuada sobre pares de cobre. A bidirecionalidade é necessária para os serviços Internet de banda larga, o grande mercado em perspectiva.

O Brasil encerrou 2008 com cerca de 10 milhões de acessos em banda larga, dos quais 7 milhões em tecnologia ADSL e 2,5 milhões por rede de TV por assinatura. De cada 100 habitantes, apenas cinco possuem acesso em banda larga, o que ainda é muito pouco.

53º Painel - Abertura e Painel Executivo

A sessão solene de abertura do 53º Painel TELEBRASIL se inicia à noite – seguida do tradicional jantar de congraçamento e de boas-vindas – e contará com uma constelação de autoridades governamentais de primeiro escalão, a ser especialmente convidada, e parlamentares, bem como líderes empresariais e dos membros da comunidade que constituem a marca TELEBRASIL, uma entidade que sabe agregar forças convergentes.

Cerne dos trabalhos é o já consagrado "Painel Executivo". No entender de um assíduo freqüentador dos eventos da Associação, o "Painel Executivo representa um amplo debate no qual interesses, sugestões e críticas se somam para gerar um grande panorama de cunho altamente estratégico para o setor".

Operacionalmente, o Painel Executivo está estruturado em quatro painéis de debates, que vão ocorrer nos dias subsequentes ao da chegada, que contará com a noite de abertura. Em cada um desses dois dias, ocorrerá um painel pela manhã (das 9h às 12h30min.) e outro à tarde (das 14h30min. às 18h), totalizando quatro painéis ao longo do evento.

Os diretores da TELEBRASIL atuarão como presidentes na condução dos Painéis e como arautos do posicionamento da entidade sobre cada um dos quatro temas que compõem o Painel Executivo. Do ponto de vista operacional, no desenrolar de cada Painel, uma primeira parte é dedicada a posicionamentos trazidos por palestrantes de alto nível das áreas governamental e privada, a que se seguirá, após um cofee-break de 45 minutos – agora renomeado de "intervalo networking" –, o tradicional debate com participantes já previstos e com abertura para perguntas do plenário.

Os dois painéis do primeiro dia de trabalho versarão, respectivamente, sobre Investimentos em Banda Larga "para o Aumento da Inovação, Produtividade e Competitividade Nacional" e "para o Desenvolvimento Sustentável e a Integração Nacional". Já os dois do segundo dia versarão, respectivamente, sobre "Investimentos em Banda Larga para Aceleração da Inclusão Social com a Universalização e a Melhoria da Qualidade da Educação" e sobre "Investimento, Financiamento e Tributação para o Projeto Nacional de Banda Larga".

Já garantiram presença no 53º Painel o presidente da TELEBRASIL, Antonio Carlos Valente, CEO da Telefonica; e o vice-presidente, Mario Cesar Pereira de Araujo, executivo da TIM, além dos diretores da Associação e top executives das empresas e entidades que representam: Amos Genish, da GVT; Carlos Duprat, da Ericsson; João Cox, da Claro; José Formoso Martinez, da Embratel; Luiz Alexandre Garcia, da CTBC; Luiz Eduardo Falco, da Oi; Roberto Lima, da Vivo; e Silvio Vince, da Abeprest – Associação Brasileira das Prestadoras e Serviços.

Diretoria da TELEBRASIL

Empossada em 7 de junho de 2008, a atual diretoria da TELEBRASIL – Associação Brasileira de Telecomunicações para o triênio 2008-2011, hoje, tem 10 membros (oito são CEO das operadoras) presididos por Antonio Carlos Valente (CEO da Telefonica). Segundo pronunciamento de posse da diretoria durante o 52º Painel, na Costa do Sauípe (BA), “a TELEBRASIL planeja ser a grande associação representativa de um setor essencial para o País. Internamente, vai reforçar as forças da convergência, agindo externamente junto ao Governo, à sociedade e aos formadores de opinião".

A atual diretoria estatutária da TELEBRASIL é constituída pelo presidente e vice-presidente eleitos, respectivamente, Antonio Carlos Valente (Telefonica) e Mario Cesar Pereira de Araujo (TIM); e pelos diretores Amos Genish (GVT), Carlos Duprat (Ericsson), João Cox (Claro), José Formoso Martinez (Embratel), Luiz Alexandre Garcia (CTBC), Luiz Eduardo Falco (Oi), Roberto Lima (Vivo) e Silvio Vince (Abeprest).

Ao todo são 10 membros e líderes empresariais do mais alto nível. Do total, oito são CEO – chief executive officers (presidentes executivos) – das principais empresas prestadoras de serviços de telecomunicações. Na nova diretoria, a indústria de serviços é representada pela Abeprest; e a de empresas provedoras de soluções tecnológicas, pela Ericsson do Brasil.

cadastre sua empresa

Associados

Fique Informado!

Cadastre-se para receber nossas novidades.

Recomende aos amigos!

logo-telebrasil 11

  

TELEBRASIL


foto-localizacao-telebrasil 

Razão Social: TELEBRASIL - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE TELECOMUNICAÇÕES
Tel.: +55 (21) 2244-9494
Fax:+55 (21) 2542-4092
CNPJ/MF: 42.355.537/0001-14
Inscrição Municipal: 01.062.450

E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.